domingo, 12 de junho de 2011

Trenó com cães/ Nieve & Fuego

Como prometido , com alguns dias de atraso (para variar rs), venho nesse cantinho que adoro , escrever sobre o passeio que fizemos com cães na neve. Aiii , gente , o passeio foi surreal !!! De verdade, parece que você está dentro de um desenho animado, em um filme de Natal ou em um sonho de criança.

Ainda no Brasil , como escrevi no post anterior, reservamos o passeio. Pesquisei e cheguei à conclusão que a empresa Nunatak seria a escolhida para nos levar ao passeio. Fizemos a reserva e pegamos nosso voucher assim que chegamos a Ushuaia. Aliás , a sede da empresa ficava bem em frente ao nosso hotel.

O site da empresa é http://www.nunatakadventure.com/  . Clique na opção inverno ou verão, conforme a época da sua viagem e escolha o  passeio desejado. O passeio  em questão se chama NIEVE & FUEGO. Resolvemos tudo via email. A empresa prontamente nos respondeu e tudo correu perfeitamente como combinado.

No horário agendado, cerca de 7:30 da noite, uma vã nos buscou no hotel e de lá seguimos para o cerro Tierra Mayor, onde o trenó é realizado. Chegando ao local,  reunimos o grupo em uma cabana onde recebemos as instruções e dividimos o grupo entre aqueles que escolheram snowmobile e aqueles que escolheram ir a pé de raquetes de neve. De cara o local te surpreende; o entardecer misturado ao branco da neve dá um tom azulado inexplicavelmente encantador.

Cerro Tierra Mayor

Deixa eu explicar melhor; quando você reserva o passeio, precisa escolher dentre as opções citadas. Os preços variam um pouco dependendo da escolha. O que determinou minha decisão pelas raquetes e não pela moto neve, foi o fato de que, caminhar no meio de uma montanha, à noite, só você (apesar de estar em companhia você sente uma certa solidão naquela imensidão), o céu e muita neve, me pareceu muito mais pitoresco. E quando escrevo " minha opção", entendam na forma literal, já que se dependesse do meu marido e nossos amigos , o conforto da moto neve pesaria na escolha. Bem , como fui eu quem fez as reservas, levei vantagem kkkkkk Ah , fala sério!!! Eu não ia perder essa oportunidade. E nem quando coloquei aquelas raquetes sob meus pés, morrendo de frio no meio do nada , me arrependi. Mas , olha , preciso dizer que fomos os únicos do grupo que fomos a pé e, quando olhamos aquelas motos passando correndo por nós, bateu um certo ... hã..... bem.... posso dizer que quiseram me matar pela escolha . A minha resposta foi " gente , quando teremos a oportunidade de viver isso outra vez ? É pitoresco." E foi assim que "pitoresco" virou tema da nossa viagem. Se aconselho a escolherem as raquetes ? SIM! Podem apostar que sim!!



Galera querendo me matar kkk

Caminhada na neve




Caminhamos até uma cabana sem teto com uma fogueira ao centro. A abertura é para poder apreciar o céu estrelado da noite. O grupo se senta ao redor da fogueira , em uns banquinhos um tanto sem conforto e ali fica cerca de uma hora. Nesse tempo é servido uns espetinhos de carne ou frango e uma sopa de ervilha que, particularmente , achei gostosa. Para beber é servido vinho quente (eu não gosto) e vinho na temperatura ambiente (bonzinho). Não esperem muito do que irão comer e beber. O que achei mais pitoresco rs, foi a música andina que embalou nossa noite. Eu adorei! Vejam bem; música andina, você e algumas pessoas que nunca viu na vida , desfrutando de uma noite fria, com o céu estrelado acima de sua cabeça e neve aos seus pés, comendo sopa de ervilha, é interessante né! Há quem discorde, mas eu amo esse tipo de aventura. Ahhh e no fim preparam um café com wisk que juro que foi o melhor café que já tomei na vida.


Cabana

E fim dessa etapa chega o tão esperado momento, o trenó com cães. Você abandona as raquetes e sobe em um trenó que cabem quatro pessoas. Atenção! Aquele que entra por último fica mais próximo do "Furingo" dos cães e está sujeito à ... bem... à flatulências que eles expelem quando te puxam. Já sabendo disso, nosso amigo , Adriano , saiu em vantagem e se sentou atrás , sobrando o local "privilegiado" ao coitado do meu marido kkkkkk. Mas fora esse pequeno detalhe , é uma delicia ser transportado por aqueles cães fofos que vão a toda velocidade, sabe Deus como, te levando são e salvo até o destino final. É muito rápido!!

Trenó


Confesso que achei os animais um tanto mal cuidados.Tudo bem que eles latem bastante, disputam a função de disparar montanha a fora, mas até que ponto isso faz bem a eles , eu não sei mesmo. Fiquei com pena.



É isso! Meu conselho é: vivam essa experiência! Ainda que saiam de lá e digam que não foi tudo aquilo que esperavam , vale a pena conferir. É PITORESCO !!!!


Eu e Andréa


FELIZ!!!

PS: próximo post escrevo sobre o Cerro CASTOR e a experiência de esquiar. Ahãaaaaaaaaammmm

3 comentários:

  1. ahhhhh, qdo termino de ler sempre fico com gostinho de quero maissss.......

    ResponderExcluir
  2. Fui em setembro, na primavera, uma ótima época.

    ResponderExcluir